Ensaio Geral - Crianceiras retorna para casa e encanta crianças e adultos na Capital
Show | Da redação | 21/05/2018 09h52

Crianceiras retorna para casa e encanta crianças e adultos na Capital

Compartilhe:

Nem o tempo ameno esfriou os ânimos de quem compareceu ao espetáculo “Crianceiras Mario Quintana” no fim da tarde de sábado (19), no teatro Glauce Rocha. Os pequenos acompanhados por seus responsáveis interagiram a todo momento com o time de atores, comandados pelo também idealizador do show, Márcio de Camillo. Foi a estreia da montagem em Campo Grande e horas antes da sessão os ingressos já estavam esgotados.

Após os 750 lugares do teatro estarem ocupados Márcio entra no palco encarnando seu personagem: um músico solitário que vê sua cidadezinha do interior ser tomada por grandes prédios. Os olhos atentos e curiosos das centenas de crianças que o assistem logo transbordam alegria e vivacidade quando ele pega seu violão e junto com os outros atores começa a tocar as poesias musicadas de Mario Quintana.

A convite dos personagens as crianças batem palma, cantam e fazem coro acompanhando os diversos ritmos (valsa, forró, jazz, rock, entre outros) e até brincam de estátua em certo momento do espetáculo. Essa interação foi a parte preferida para Guilherme Nunes, de 7 anos. “Mesmo ficando sentados deu pra gente brincar junto, isso foi muito legal”, diz ele que preferiu sair e ficar no corredor após a metade do show para conseguir pular e cantar as músicas.

Guilherme estava acompanhado do irmão de 4 anos, Leonardo Nunes, e do pai, o professor Alisson Nunes. “Eu achei muito interessante, são músicas que as crianças adoram e são poesias. É muito bom para eles ter um primeiro contato da literatura dessa forma, faz com que gostem”, acredita Alisson.

Além das músicas alegres, a iluminação, figurino e cenário bastante coloridos também chamaram bastante a atenção do público. No início tudo é mais cinza, há um tom mais soturno, mas com o desenrolar da história pessoas com diferentes estilos, em trajes coloridos, vão revelando ao cantor a diversidade da vida, vão trazendo a festa, a celebração da multiplicidade e a própria primavera, com suas cores vibrantes, sua alegria e sua esperança.

“Achei tudo muito lindo. Eles fizeram cada detalhe com muito cuidado com o intuito de nos maravilhar”, reflete a jornalista Ana Karollyna Resquim, que foi junto com seu filho Leoni Resquim, de 11 anos. “O que mais gostei foram as luzes, elas me chamaram muito a atenção, eram bem coloridas”, emenda o garoto.

Para Márcio apresentar o Crianceiras em Campo Grande é como retornar para casa, já que foi aqui que o espetáculo foi concebido. “É aqui onde ele nasceu, eu sabia que essa apresentação seria especial, mas superou minhas expectativas. Eu estava bastante seguro em cima do palco e a troca de energia com as crianças foi muito intensa”, avalia.

Também estavam em cena os atores/músicos Nath Calan, na percussão e bateria; Tiago Sormani, no teclado, sanfona, flauta e clarinete; Denise Ferrari, no violoncelo; além de dois atores contrarregras. Márcio revela que no segundo semestre deste ano deve trazer o espetáculo mais uma vez a Campo Grande. A produção do espetáculo em Campo Grande é feita pela Criatto produções e pela Marruá Arte e Cultura.

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS