Ensaio Geral - FCMS comemora o Dia do Arquivista com palestras no Museu da Imagem e do Som
Manchete | Jeozadaque | 15/10/2010 12h00

FCMS comemora o Dia do Arquivista com palestras no Museu da Imagem e do Som

Compartilhe:

Para celebrar o Dia do Arquivista – comemorado no Brasil no próximo dia 20 de outubro – a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul realizará uma série de palestras sobre o trabalho e a importância do profissional no resgate da história e da cultura popular. As palestras são organizadas pelo Arquivo Público Estadual e acontecem no dia 20 (quarta-feira), às 19 horas, no auditório do Museu da Imagem e do Som, no Memorial da Cultura e Cidadania Apolônio de Carvalho. Confira as Palestras: Centros de Documentação nas Universidades: Preservação e Pesquisa, será proferido pelo Prof° Drº Vitor Wagner Neto de Oliveira, UFMS - Três Lagoas. A Importância dos Arquivos Municipais – Experiência em Campo Grande, por Doralice Martins, Diretora do Arquivo Histórico de Campo Grande. A Experiência do Centro de Documentação Regional da Faculdade de Ciências Humanas UFGD, pelo Prof°  Drº Paulo Roberto Cimo Queiroz, UFGD. Relato de Experiência do BPRAM – Base de Pesquisas Históricas e Culturais das Bacias dos Rios Aquidauana e Miranda com o Prof° Dr° Carlos Martins Júnior, UFMS – Aquidauana. Responsabilidade - O arquivista planeja, organiza e gerencia arquivos e sistemas de arquivos e pode atuar em empresas públicas e privadas. Atuam em centros de documentação e informação, universidades, museus, arquivos históricos, administrativos, empresariais e pessoais e órgãos que atuam com o patrimônio cultural. O arquivista atua em interface com outros profissionais como administradores, sociólogos, antropólogos, museólogos, historiadores, bibliotecários, especialistas em informática, e outros, dependendo da empresa ou instituição onde atue. “O arquivista é um agente direto da Sociedade da Informação. Um aspecto importante é a preservação do patrimônio cultural-documental, outro ponto de responsabilidade que o profissional dessa área passa a ter”, explica Caciano Lima, coordenador do Arquivo Público Estadual. Serviço: As inscrições para as palestras devem ser feitas no Arquivo Público Estadual, pelo telefone 3316-9167. O Memorial da Cultura fica na Avenida Fernando Correa da Costa, 559, no Centro. Da redação

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS