Geral | Da redação | 03/09/2018 09h40

Lojistas aprovam segunda edição do Reviva Cultura

Compartilhe:

O dia ensolarado contribuiu para o sucesso da segunda edição do Reviva Cultura, projeto previsto dentro do Programa Reviva Campo Grande, programa de requalificação da Rua 14 de Julho e revitalização da área central da cidade. A infraestrutura montada pela Prefeitura Municipal recebeu cerca de 30 lojistas da via impactada, além de artesãos e artistas.

A empresária Pollyana Joozadak, da Frutsucos, elogiou o apoio da equipe e a infraestrutura do evento e afirmou que vai fazer questão de participar nas próximas edições. Ela montou uma barraca que servia bebida, salgados e espetinhos. “Eu super apoio essa iniciativa, é muito bem-vinda neste momento”.

O historiador e comerciante da loja Poderoso Timão, Sérgio “Onça”, fez uma ação diferente para chamar a atenção do público e divulgar seu empreendimento. Ao invés de levar produtos do time, ele distribuiu mais de 200 mudas de plantas em comemoração ao aniversário de 108 anos do Corinthians.

As livrarias Hamurabi, Daniel e Maciel Livros Usados levaram centenas de livros para venda no Reviva Cultura. “É uma porta que se abre para diminuirmos o impacto das obras. É uma iniciativa muito boa que vai favorecer os comerciantes”, disse Danielle Oliveira, da Daniel Livros Usados. O proprietário da Maciel só tinha boas expectativas para o evento, e que foram alcançadas. “Estava faltando um espaço desses para divulgarmos a cultura, a população prestigia”.

Como na primeira edição, a tenda do Centro de Controle de Zoonoses foi uma das mais visitadas e, desta vez, entregou para a adoção, mais de 30 animais, entre gatos e cachorros.

Houve ainda jogos de tabuleiros, emissão de Carteira de Trabalho; vacinação antirrábica, informações sobre HIV, Hepatite, Dengue; exames para detecção de HIV e Hepatite, microscópio para visualização de larvas de mosquito da dengue, divulgação do Serviço do Benefício da Prestação Continuada e outros serviços dos CRAS; Educação Patrimonial, fotos antigas da Rua 14 de Julho; Programa de Educação Ambiental, exposição dos incubados da Prefeitura e educação para o trânsito.

Participaram do evento as seguintes secretarias: SEGOV, SESAU, SEMED, SEDESC, SAS, SECTUR, AGETRAN, PLANURB, EMHA, SESDES E FUNESP. Entre os parceiros estão: CDL, ACICG, SEBRAE/MS, SESC, Governo do Estado, Abrasel, Ambev e Cerv Já.

Música e dança

A abertura do Reviva Cultura ficou por conta do Maestro Marcos e Evandro. Ainda se apresentaram a Banda Municipal, Renato Mendes e Rick Bergamo, Banda da Guarda, Tiago Siqueira, Confraria Sociartista e Teatral Grupo de Risco – com a peça A Princesa engasgada. O grupo Dançaurbana chacoalhou o público. A dança de rua da companhia que existe há 16 anos, encantou e interagiu com quem passava pela 14 de Julho. “O Reviva Cultura é uma bela iniciativa que proporciona que os artistas estejam mais próximos de todos. Sem contar que com tudo isso, acaba melhorando o comércio da região”, comentou o diretor do projeto, Marcos Mattos.

Outro a se apresentar foi o Grupo Fascínio que, com mais de 18 anos de estrada, fez a plateia dançar bastante. “Todo evento que movimenta a cultura é muito importante”, afirmou o vocalista, Fernando Duarte. A dupla Wanderson e Zé Lourenço dividiu o palco com o grupo e também fez sucesso.

Público

Flávia Oliveira, auxiliar de docente, aproveitou bastante a segunda edição do Reviva. Ela adotou um cachorrinho, pegou uma muda de árvore e ainda fez compras. Já dona Eliza Martins estava passeando pelo centro quando começou a ouvir a música do palco. “Estou adorando. Faz falta alguma coisa assim, é bom demais”.

A dona de casa Maria Aparecida adorou a iniciativa. Moradora do centro da cidade, ela defende que a Rua 14 de Julho deve ser transformada em um calçadão. “Conheço iniciativas de outras cidades e vejo que as pessoas gostam muito do ‘formato’, tem lugar para sentar, mais espaço, sem carros”. Quanto ao Reviva Cultura, ela completa, “tem que ter o evento sempre. Gostei muito”.

Liquida Centro

Durante o Reviva Cultura, foi dado início à campanha Liquida Centro, realizada pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Campo Grande – CDL CG, em parceria com o comércio da área central. A iniciativa teve a adesão de 280 lojistas, segundo a instituição. Até o dia 8 de setembro, as lojas terão descontos de até 50% nos produtos.

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS