Geral | Da Redação/Com FCMS | 18/06/2015 11h36

Fête de la Musique divulga a cultura francesa

Compartilhe:

A Aliança Francesa, com o apoio da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), promove a 15ª edição anual da Fête de la Musique, na próxima sexta-feira (19 de junho), às 19h30, no Teatro Aracy Balabanian do Centro Cultural José Octávio Guizzo. O evento tem entrada franca e classificação livre.

“Viver a música juntos” é a ideia que direciona as ações em torno da Fête de la Musique deste ano. Além de divulgar a cultura francesa, o evento oferece espaço para a aproximação entre expressões artísticas que ultrapassam as fronteiras geográficas. Entre as atrações, o público poderá conferir apresentações de alunos, professores e artistas como a cantora Bianca Bacha, os músicos da Escola Cant’arte Educação Musical e os dançarinos da companhia de dança de salão da UFMS.

“A música é capaz de inspirar, aproximar e alegrar. Esses valores são centrais para a festa, que pretende ser um momento de encontro e troca entre todos os que se interessam pela francofonia. O caráter popular da comemoração é central à sua realização. Na França, por exemplo, apresentações musicais tomam as ruas das cidades no dia da festa e todos têm acesso garantido à arte. “É uma festa multicultural, plural. O mote da Fête se reveste do sentimento de compartilhar, de fazer juntos”, considera Márcia Saddi, diretora de comunicação e marketing da Aliança Francesa de Campo Grande (AFCG).

Neste espírito de comunhão, mais de 120 países também realizarão concertos e apresentações para demonstrar a diversidade e a amplitude das práticas musicais. Para esta edição, o desafio é o de equilibrar o peso de questões relacionadas ao racismo e ao antissemitismo e o universo artístico e poético que o evento oferece.


“A cada ano, o Ministério da Cultura e Comunicação da França divulga uma temática a ser trabalhada. Para o ano de 2015, a temática será o racismo e o antissemitismo, discursos ainda pouco integrados no seio de nossa sociedade, quando comparamos com o que a Europa vive hoje”, ressalta a diretora. A temática mobilizou a equipe organizadora da Fête a inserir momentos poéticos que tratam dessas questões.

Encerrando o primeiro semestre do ano letivo, a Fête de la Musique é o principal evento cultural da AFCG, instituição que busca expandir os horizontes culturais em relação à francofonia nas comunidades em que está inserida. “Para muitos de nossos alunos, a Fête viabiliza um maior contato com esse universo. A presença cada vez maior de músicos e artistas reconhecidos também denota como o evento tem crescido na cidade”, ressalta Márcia. Ela lembra que os ensaios para a festa desempenham função pedagógica essencial ao ensino da língua francesa. “Desde o primeiro ano, os alunos têm essa oportunidade”, pontua.

Única instituição reconhecida pelo Ministério da Educação da França para ensino de francês, a Aliança Francesa cumpre papel essencial na promoção da cultura e do idioma franceses. Campo Grande recebeu em 1961 a primeira AF de Mato Grosso do Sul. Atualmente, a escola também abriga o Consulado Honorário da França na Capital. Entre as atividades culturais, a instituição promove sessões cineclubistas, debates e exposições artísticas.

Há 34 anos, o Ministério da Cultura e da Comunicação da França realiza a Festa da Música em diversas cidades do País, incluindo Paris. Trata-se de um dos principais momentos de celebração e divulgação da francofonia pelo mundo afora. No Brasil, a Fête de la Musique é realizada em diversas cidades, como o Rio de Janeiro, no imponente Teatro Municipal. Realizada há 15 anos em Campo Grande, a festa faz parte do calendário cultural da Capital e ganha cada vez mais espaço, confirmando o interesse público pela culture française. O site oficial do evento é http://fetedelamusique.culturecommunication.gouv.fr/ .

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS