Ensaio Geral - Com recursos do FIC/MS, Museu de Arte Pantaneira de Aquidauana inicia revitalização
Agenda | Jeozadaque | 28/03/2012 12h48

Com recursos do FIC/MS, Museu de Arte Pantaneira de Aquidauana inicia revitalização

Compartilhe:

Com recursos de R$ 100 mil do Fundo de Investimentos Culturais (FIC/MS) do governo do Estado, o Museu de Arte Pantaneira “Manoel Antônio Paes de Barros”, em Aquidauana, inicia nesta quinta–feira (29 de março) uma revitalização completa. A vistoria técnica e a assinatura da ordem de serviço para a reforma acontecem às 19 horas, com a presença do prefeito de Aquidauana, Fauzi Suleiman e o presidente da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, Américo Calheiros. Inaugurado em 1918, o prédio do Museu é tombado pelo Patrimônio Histórico e Artístico de Aquidauana. Foi construído para ser a residência de um dos fundadores da cidade, Manoel Antônio Paes de Barros e cedido à municipalidade por sua esposa, Virgínia Paes de Barros. O Museu foi implantado em 1999 e não passava por reformas desde 1996. Possui em seu acervo um rico e variado acervo referencial sobre o município e a região pantaneira, com peças que expõe a vida e a cultura regional, a Guerra da Tríplice Aliança, a Estrada de Ferro Noroeste do Brasil, a evolução das comunicações e obras de arte de artistas da região. O museu possui ainda espaço para exposições temporárias. De acordo com o presidente da Fundação de Cultura de Aquidauana, Rangel Castilho, as obras, que devem durar 90 dias, revitalizarão todo o prédio. “Será trocada estrutura do telhado, que será metálica. O piso de ladrilhos hidráulicos será substituído, mantendo as características originais. As portas e janelas também serão reformadas. Haverá nova iluminação e o forro retrabalhado. Além disso será criada uma sala técnica e uma diretoria”, explica. Segundo o presidente da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, Américo Calheiros, a reforma do museu resgata a importância de um patrimônio cultural e histórico valioso para todo o Estado. “Revitalizado, o Museu de Arte Pantaneira representará tanto em seu conteúdo como em sua forma arquitetônica a história da cidade, do homem pantaneiro e de Mato Grosso do Sul”. “Fruto da determinação da equipe da Fundaq e do apoio do governador André Puccinelli, vamos transformar aquele que é um dos principais espaços culturais de nossa cidade em um museu à altura de Aquidauana”, afirmou o prefeito Fauzi Suleiman. Da Redação/Com Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS