Ensaio Geral - Corumbá terá exposição sobre italiano que influenciou a cidade "/>
Arquitetura | Da redação | 12/07/2016 11h50

Corumbá terá exposição sobre italiano que influenciou a cidade

Compartilhe:

De 19 a 27 de julho do Sesc Corumbá recebe exposição sobre Martino Santaluce, um italiano que viveu na Cidade Branca no início do século XX e exerceu forte influência na arquitetura local. No dia 27, às 19h30, haverá uma edição especial do Café Literário, com lançamento do livro "Martino Santaluce”, assinado pelo neto, Martim Affonso Santa Lucci, que estará presente no avento.

A exposição de pertences do arquiteto disponibilizados por familiares poderá ser visitada das 13h às 22 horas. No Café Literário, que também é aberto ao público, estará o professor Dr. Walmir Batista Correa, membro da cadeira de número 17 da academia sul-mato-grossense de Letras e da professora Dra. Lúcia Salsa Batista Correa para uma breve explanação sobre a história, a cidade e o homenageado.

O livro foi prefaciado pelo aclamado escritor Abílio de Barros, também membro da Academia sul-mato-grossense de Letras.

Sobre Martino Santaluce – Dentre os projetos assinados por Martino Santaluce destaca-se a Casa Vasquez & Filhos, construída em 1909.

No andar térreo era um grande salão aberto, de pé-direito duplo, com um mezanino em uma das laterais, uma escada de madeira, que levava ao 2º andar, e uma divisória de madeira art-nouveu, provavelmente onde funcionava o Caixa da Casa Comissária. Os pilares são metálicos, estrutura independente, e fechamento com tijolo, elemento de construção não existente na região na época.

O local foi restaurado pelo Programa Monumenta em 2006. Antes da reforma sofreu depredações e processo de deterioração e infiltração, ao longo de décadas de abandono por antigos proprietários.

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS